Montagem de Móveis Corporativos exige Capacitação

Montador de Móveis Corporativos

Dentro da profissão de montador de móveis, diversas vezes clientes e os próprios montadores se enganam quanto à necessária classificação dos tipos de montagem. O cliente porque não entende a diferença entre elas e o montador porque acredita cegamente poder montar todos os móveis da mesma maneira.

Sim, os móveis corporativos realmente são próximos aos móveis convencionais, os dispositivos de fixação são praticamente os mesmos, só que a técnica de montagem dos corpporativos exige muito mais do montador.

Em um primeiro momento, torna-se necessário entender que quando a montagem se resume a uma mesa, um gaveteiro ou um armário de arquivo, realmente pode inclusive parecer mais fácil a montagem dos móveis corporativos, porém estamos longe de entender o real significado desta montagem.

O ambiente corpporativo traz particularidades e peculiaridades que precisam ser antes de tudo compreendidas, diversos profissionais estarão trabalhando para que um adequado layout funcional seja encontrado. O montador precisa saber interpretar desenho técnico, entender que existe uma razão para o móvel estar "exatamente alí" e não um poquinho para cá ou para lá.

O escritório em questão precisa levar em conta o fkuxo de trabalho (movimentação das pessoas), então largura de corredores, espaçamento entre ilhas de trabalho, posição de cabeamento lógico, elétrico e telefônico precisam ser detalhadamente considerados. Torna-se claro que existe um trabalho de arquitetura ou planejamento prévio que precisa ser preferencialmente milimetricamente considerado. Estamos tratando da diferença entre profissionalismo e improvisação.

O empresário de respeito não quer que seu escritório tenha um visual de acampamento, isto depois de gastar um valor substancial na aquisição do ponto comercial ou até mesmo em sua remodelação e reforma. Nem sempre um arquiteto é consultado, obviamente que dependendo po porte do escritório talvez não se sinta esta necessidade, mas sempre faz bem ouvir a visão de um profissional da área.

A montagem dos móveis corporativos exige complementarmente ajustes locais. O montador que imagina móveis para escritório sem recortes ou fechamentos não está apto para realizar este tipo de trabalho. Os móveis corporativos não chegam a ser considerados planejados porque via de regra os ajustes são pequenos, porém inegavelmente existem.

O montador de móveis que pratica esta montagem precisa trabalhar com nível laser, trena de 5 metos, serra de bancada para corte em ângulo, além das usuais parafusadeira,  tico-tico, plaina e serra circular de mão. Exiate uma ideia simples na questão estética, a de que fios e cabos precisam estar ocultos. Nem sempre isto é possível sob o piso ou entre ilhas. O montador de móveis precisa estar atento a algumas soluções com envelopamentos e fechamentos que possam esconder os fios. Ocasionalmente este material pode não estar disponível junto com os móveis adquiridos, então temos aí na verdade pequenos trabalhos de marcenaria que se enquadram dentro da montagem dos móveis corporativos

Espramos com isto ter esclarecido para os montdores de móveis que precisam definir seu cadastro no momento da entrevista de credenciamento, se realmente entendem o que exige o perfil de montador de móveis corporativos. Para o cliente de Portal do Montador talvez isto também ajude na hora da contratação, pois saberá exatamente o que pode ou não exigir deste profissional, deixando de fazer uma grave confusão, a de que todos os montdores de móveis são iguais.


Sucesso a todos!

Cláudio Perin